A GRANDE BATALHA

A GRANDE BATALHA – IMPORTÂNCIA DA ESTRATÉGIA NOS ESTUDOS

 

Olá, estudante.

Meu nome é Alexandre Bento.

Acompanhe comigo o desfecho da batalha de Gaugamela e que lições pode tirar para seu estudo.

Dois exércitos: frente a frente.

O exército persa de Dario com 200 mil homens. O mais poderoso e equipado exército do mundo.

Já meu xará, Alexandre Magno, tinha um exército de apenas 55 mil homens.

Os persas tinham cavalaria e infantaria que exterminavam qualquer inimigo.

Alexandre sabia disso.

Ele estudou Dário e viu uma fraqueza.

O exército dependia das ordens de Dário para se manter.

O medo de errar fazia com que seus oficiais não tivessem iniciativa e agiam sempre da mesma maneira.

A estratégia de Alexandre era simples: matar Dário.

Alexandre colocou seus homens na formação em diagonal.

Dário achou aquilo uma estupidez e colocou seu exército todo para cima.

O exército grego adotou uma formação em cunha e foi literalmente abrindo caminho em direção a Dário.

Parecia loucura e os persas ficaram confusos.

Dário demorou a entender.

Desesperado, tentou interromper a trajetória, mas já não era possível.

Para não morrer, Dário bateu em retirada com seus generais.

Sem os lideres, os persas entraram em pânico e foram demolidos.

Quase 50 mil persas morreram contra pouco mais de 1500 do lado grego.

Essa história ilustra o que sempre falo aqui nesse blog: contra um inimigo mais forte tem que ter estratégia.

Não dá para querer enfrentar seus concorrentes frente a frente.

Sempre há pessoas mais inteligentes, mais esforçadas, com mais recursos e com mais tempo.

Como vencê-los?

Não tente vencer na força bruta.

Tem que ter um diferencial estratégico.

E quais são esses diferenciais estratégicos?

Acompanhe a série aqui no blog sobre estratégias nos estudos.

Mas já te adianto que um grande diferencial tem a ver com posicionamento.

Um pequeno exemplo.

Com 17 anos, quando estudava para instituições militares, percebi que não dava para vencer meus concorrentes na força bruta.

Eram garotos que estudavam desde os 15 anos e os pais eram oficiais de alta patente.

Eles tinham uma educação de base melhor do que a minha, estudavam o dia todo e tinham muito mais recursos do que eu.

Eu fiz um péssimo ensino médio, comecei a estudar tarde, trabalhava e fazia muito esforço para conseguir estudar duas horas diárias além do cursinho.

Como superá-los?

Percebi que as provas eram muito extensas e cansativas.

Não dava para fazer todas as questões.

Foquei em criar um método para resolver com uma rapidez espantosa as questões fáceis.

Eu reconhecia quase que automaticamente quando uma questão era difícil ou fácil.

Isso me fazia uma máquina de resolver questões já garantindo os pontos mais fáceis.

No caso de exatas, foquei em aprender os atalhos, principalmente em Matemática.

Tinha questões que eu resolvia em 10 segundos.

O segredo era que fazia um passo a passo vagaroso e demorado quando estava resolvendo a questão em casa.

E depois aplicava com uma velocidade absurda nas repetições.

Com essa técnica, sobrava tempo para gastar com as questões difíceis.

Também treinei passar horas sentado na mesma posição para ter resistência na hora da prova.

Escolhia propositalmente uma cadeira desconfortável, salas quentes e com barulho para não ser pego de surpresa na hora da prova.

Anos depois, embora as bancas fossem evoluindo e se especializando deixando as questões mais complexas, fui adaptando e evoluindo meu método.

Percebe a importância da estratégia?

.

Alexandre Bento

Especialista em preparação de alto desempenho para concursos e vestibulares, ministrando cursos e palestras acerca do tema.

Nomeado em 15 cargos públicos efetivos e atualmente é Analista da Agência Nacional de Aviação Civil – ANAC, na área de Orçamentos públicos.

Cocriador do Método Tríade de Coaching de Concursos, Vestibulares e Enem.

Criador do canal Meu Estudo, que traz o melhor conteúdo de Técnicas de Estudo, motivação e ferramentas para potencializar seus estudos.

Criador do canal Minhas Questões de Concursos, que traz questões comentadas de concursos públicos.

Criador do canal Minhas Questões ENEM, que traz questões comentadas do ENEM.

 

Inscreva-se no canal Meu Estudo para acompanhar as técnicas, sacadas, dicas e orientações de produtividade e planejamento nos estudos.  

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This